Dicas Fisiform

Fique atento as nossas dicas !

23/05/2017

TREINO HIIT: COMO FAZER? | OS 3 PROTOCOLOS MAIS CONHECIDOS

FONTE: Guia da Boa Forma

No último artigo, você pôde entender o que é treino HIIT – High Intensity Interval Training – e por que exatamente ele auxilia no emagrecimento, assim como a musculação.

Mais que isso, eu apresentei 10 razões pelas quais você deveria abandonar o aeróbico tradicional e investir em treinos intervalados de alta intensidade, caso seu objetivo seja perder gordura, manter ou aumentando a massa magra.

Entre os principais motivos, estão o fato de que os treinos intensos:

  • Aumentam a sensibilidade à insulina
  • Acelerarem o metabolismo por até 48h
  • Aumentam a produção de hormônios anabólicos, como gH e testosterona

Mas, sem dúvida, o que mais chama atenção no treino HIIT é a sua curta duração.

Com pouquíssimos minutos por dia, você consegue fazer um treino muito eficiente, e então obter resultado de meses (às vezes anos!) em apenas algumas semanas.

E eis que surge a pergunta, um tanto quanto aguardada:

– Treino HIIT: Como fazer? 

É por isso que, neste artigo, você vai aprender:

  • Os 3 protocolos mais comuns de treino HIIT;
  • Como fazer HIIT na esteira, bike, escada ou no transport;
  • Qual método eu utilizo e por quê (com vídeo!)

Depois de ler este artigo, você vai ter as ferramentas de que precisa para colocar o HIIT em prática, incluindo a motivação.

OS 3 PROTOCOLOS MAIS COMUNS DE HIIT

Treino HIIT: Como fazer? 9

Os treinos HIIT não seguem um formato limitado ou exercícios específicos. A única variável realmente obrigatória é a intensidade.

Você precisa intercalar períodos de intensidade máxima com períodos de descanso, sejam eles ativos ou passivos.

Contudo, existem alguns métodos muito utilizados, comprovados cientificamente, que podem servir como base para o seu treino. Veja a seguir quais são eles.

#1. Protocolo Tabata

shutterstock_330602771-2

Este protocolo foi desenvolvido, ainda nos anos 1990, pelo médico japonês Izumi Tabata e seus colaboradores do Instituto Nacional de Fitness e Desporto. Veja o estudo aqui.

O método se mostrou muito superior a um treino aeróbico tradicional no que diz respeito à capacidade aeróbia e anaeróbia.

Na experiência original, foram utilizados dois protocolos:

  • Protocolo 1: 5 dias por semana durante 6 semanas. Cada sessão durava 60 minutos e era executada a 70% do VO2 máx.

VO2 máximo é a capacidade máxima do corpo de transportar e metabolizar oxigênio durante um exercício físico.

  • Protocolo 2: 5 dias por semana durante 6 semanas. Em 4 dos treinos semanais era executado o protocolo HIIT. No outro, os participantes se exercitavam a 70% VO2 máx. durante 30 minutos e em seguida faziam 4 séries de HIIT (4x 20 segundos + 10 segundos).

Os resultados: O protocolo 2 revelou-se bastante superior para a condição geral do atleta.

Houve, em média, um aumento 40% maior na capacidade aeróbia em comparação com o treino contínuo, e apenas o treino intervalado aumentou a capacidade anaeróbia (em 28%). Isto com uma duração semanal de treino 5x menor!

Como funciona? 

Treino HIIT- como fazer.001

O protocolo Tabata funciona da seguinte forma:

  • Fase de aquecimento de poucos minutos a 40% do seu esforço máximo
  • 7-8 séries de 20 segundos a 170% VO2 máx., intercaladas com intervalos de descanso ativo de 10 segundos
  • Período de relaxamento após o exercício

No descanso não se deve parar, mas apenas diminuir a intensidade.

Se você for correr, por exemplo, pode tanto caminhar como correr em baixa velocidade no descanso ativo.

Vale lembrar que o método Tabata vem passando por algumas adaptações e uma das principais foi no valor de referência.

Inicialmente, com a colocação da utilização de 170% do VO2 máximo, pessoas destreinadas não conseguiam manter esta intensidade por muito tempo.

Por isso, o mais usual é utilizar um parâmetro pessoal de intensidade máxima.

Você deve fazer cada série com o máximo possível de esforço e assim manter a intensidade elevada. Não se poupe!

Com o tempo e a consistência, o que antes você fazia com muita dificuldade, torna-se mais fácil. E, portanto, precisará aumentar a intensidade, seja com carga, com velocidade, ou ambas.

» Leia também: Bumbum na Nuca: 7 motivos por que seu glúteo não cresce

#2. Protocolo Gibala

Treino HIIT: Como fazer? 3

Um dos maiores pesquisadores em exercício intervalado de alta intensidade é o canadense Martin Gibala, que criou um método específico e bastante utilizado.

O protocolo de Gibala é diferente de outros métodos de HIIT, pois nele há um descanso maior, bem como um tempo maior em alta intensidade.

É um método muito indicado para pessoas destreinadas, que naturalmente não têm capacidade muscular ou cardiorrespiratória para um treino altamente exaustivo.

Afinal, quanto menor o tempo de estímulo, maior deve ser a intensidade, e vice-versa. Volume e intensidade são inversamente proporcionais, lembra?

De qualquer forma, isso não torna o protocolo Gibala menos eficiente. Na verdade, esse protocolo era tão intenso, que foi revisto em 2011 pelo próprio Gibala, como você vai ver a seguir.

Como Funciona?

Treino HIIT- como fazer.001

Inicialmente, o protocolo de Gibala era composto por:

  • Aquecimento de 3 a 5 minutos
  • 8 a 12 ciclos de 60 segundos de exercícios em intensidade máxima, seguidos de um descanso ativo de 75 segundos
  • Usava-se como referência para este protocolo a utilização de 80 a 90% do VO2 máximo.

Era um protocolo extremamente intenso, no qual a maioria das pessoas não conseguia manter a qualidade do treino nas 8 a 12 séries indicadas.

Foi por isso que, em 2011, Gibala publicou uma nova versão menos intensa do seu protocolo no Medicine & Science in Sports & Exercise, que envolve:

  • 3 minutos de aquecimento
  • 10 ciclos de 60 segundos de exercício intenso (60% da capacidade máxima)
  • Seguido de 60 segundos de descanso ativo ou passivo

Grande parte das pesquisas utilizando este método foram feitas em bicicletas ergométricas, mas ele pode ser perfeitamente adaptado a outras modalidade, como pular corda, corrida, escadas.

#3. Protocolo Timmons

Treino HIIT: Como fazer? 6

Este protocolo foi desenvolvido pelo pesquisador inglês Jamie Timmons, em 2012, e se diferencia dos demais protocolos por causa de sua recuperação mais longa.

É um protocolo bem curto e a recomendação é que se faça 3x por semana. Essa quantidade de treinos totalizaria apenas 21 minutos em 7 dias!

Veja a seguir como funciona.

Como Funciona?

Treino HIIT- como fazer.001

O protocolo Timmons funciona assim:

  • Alguns poucos minutos de aquecimento
  • 3 séries de 2 minutos de atividade suave seguidos por 20 segundos de esforço máximo
  • Período de recuperação após o exercício

Assim como o protocolo Gibala, a maioria das pesquisas foi realizada com bicicletas ergométricas, mas nada impede que o protocolo seja adaptado a outras atividades.

A principal questão, especialmente neste protocolo, é não ficar se poupando, guardando energia para o final.

Dê o seu máximo logo no começo e, se cansar, vá administrando nas próximas séries. É melhor fazer isso do que terminar o treino com a sensação de que não deu o seu melhor.

Tenha em mente que treino HIIT é tudo ou não. Você não consegue fazer assistindo novela ou olhando o celular.

por Bruno Amantea


A melhor qualidade
pelo menor preço!

Planos à partir de R$ 99
* Consulte Condições
Wi-fi grátis

Assine agora
Academia FISIFORM

MUNDO FISIFORM

 

                Ligue já

         (31) 3542.0032

Onde estamos

Alameda do Ipê, 168, Ipê
Nova Lima, MG 34004-799

(31) 3542.0032

Como chegar

Localizada no Bairro Ipê, a Fisiform fica a um quarteirão da entrada do Bairro Ouro Velho Mansões.

Formas de pagamento: Cartão de crédito ou débito; Cheque ou Dinheiro; GYMPASS .

WhatsApp chat